terça-feira, 24 de setembro de 2019

Nova Coleção - Bolsa Térmica de Sementes e Ervas Medicinais - Alívio para Dores em Geral


Já chegaram as novas estampas das Bolsas Térmicas de Sementes com Ervas Medicinais!
O sucesso foi tanto que nós resolvemos antecipar a coleção 2020, entre em nosso site e veja as estampas lindas que preparamos para te ajudar a aliviar as dores, lembrando que elas são super fáceis de usar, para usar a bolsa quente você coloca no microondas e para usar gelada você coloca no freezer, mais fácil que isso, só tirar doce de criança. hehe.

Além das estampas você pode escolher a (as) ervas medicinais que deseja acrescentar, cada uma delas serve para dores e desconfortos diferentes!
O nosso envio é imediato para todo Brasil, corre lá e pare de reclamar das dores com as bolsas térmicas, além do cheirinho delicioso ela não tem contraindicação.



      

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Biombo Hospitalar - Divisórias de alta qualidade em PVC


Biombo Multiuso Hospitalar

Biombo PVC divide espaços com eficiência preservando a privacidade em ambientes hospitalares, residenciais e comerciais valorizando a estética e a harmonia. Possui um sistema de fixação simplificado e pode ser removida de seu lugar original e reinstalada rapidamente e com facilidade. Seu modelo construtivo proporciona grande estabilidade e, graças aos seus rodízios de 6 que deslizam suavemente e com um mínimo de ruído.

Construída com lâminas de PVC rígido e desenvolvida com base em pesquisas em unidades médicas e hospitalares, O Biombo PVC se tornou um produto diferenciado, sem similar no mercado nacional, em razão da sua versatilidade, resistência, durabilidade e fácil higienização.

O Biombo PVC possui tratamento de superfície com exclusivo processo bacteriostático que inibe o desenvolvimento de bactérias e fungos. Além disso atende as normas nacionais e internacionais de utilização em áreas de saúde e de tráfego intenso de público, suporta prolongada exposição à luz e não propaga chamas. Está disponível em diversos tamanhos, comprimento e nas cores branca, palha e bege.

Fabricado em material vinílico de alto impacto e totalmente atóxico, com formulação exclusiva BCF o Biombo Móvel Multiúso se destaca pela longa durabilidade e alta resistência sob intensa movimentação.

Seu sistema de montagem e sua estrutura auto transportável e retrátil dispensam a construção de paredes ou cortinados, tornando os ambientes mais arejados e luminosos. 


Por isso, o Biombo garante melhor circulação, otimiza os espaços e proporciona mais privacidade e segurança para os funcionários, visitantes, equipamentos e mobiliário. Extremamente versátil, pode ser adaptado e remanejado com facilidade nas mudanças de layout interno, mantendo suas características originais, sem perda ou desvalorização do investimento.

Conheça as opções que temos para deixar o seu ambiente ainda mais confortável com a qualidade que você merece.



sexta-feira, 9 de agosto de 2019

Poltrona do Papai com Massageador





Poltrona do Papai Reclinável MAX com Massageador


A poltrona do papai reclinável MAX com Massageador é um dos nossos modelos mais imponentes. Ela é ultra confortável e trará muito mais qualidade de vida para as suas atividades cotidianas, principalmente nos momentos de assistir televisão, tirar pequenas sonecas ou ler um bom livro, além da massagem vibracional em todos os pontos que ajudam no relaxamento e ativam a circulação sanguínea.


Versão: Manual com recline suave
Com Massageador por controle remoto(Bivolt)
Material: Aço carbono + pintura epóxi. 
Suporte: 120KG


Funcionamento: Após puxar a manopla lateral, o apoio dos pés subirá automaticamente. Para reclinar o encosto, basta erguer os braços até que fiquem paralelos a cabeça ou se empurrar para trás. Para retornar, jogue o tronco para frente e empurre o apoio dos pés com as pernas, até travar.

Revestimento
Tipo: Couro sintético classe A.
Cor: Marrom ou preto
Limpeza: Pano umedecido com água e, se necessário, sabão neutro. Nunca utilize hidratantes, álcool, lustra móveis e etc. 
Cuidados: Não deixar exposto ao Sol ou luzes fortes. 

Assento
Estrutura: Madeira multilaminada e eucalipto de reflorestamento.
Tecnologia: Softspring - Sistema de molas que ajustam o conforto conforme o peso do usuário. 
Sustentação: Molas zig-zag em aço, as mesmas de bancos de automóveis e molas pocket com 8cm de altura (arame 2mm).
Camada de Conforto: Espuma D28 + fibra siliconizada 100% virgem, origem Tailândia. 

Encosto
Estrutura: Madeira multilaminada e eucalipto de reflorestamento.
Sustentação: Persinta elástica 8cm (Italiana). 
Camada de Conforto: Fibra siliconizada 100% virgem, origem Tailândia. 

Braços
Estrutura: Madeira multilaminada e eucalipto de reflorestamento.
Camada de Conforto: Fibra siliconizada 100% virgem, origem Tailândia.

Dimensões
Altura: 100cm
Largura: 94,5cm
Profundidade: 93 cm
Altura até o assento: 49cm
Largura útil do assento: 57 cm
Profundidade do assento: 64cm
Altura até o braço: 52cm
Profundidade quando aberta: 161,5cm 

Controle Remoto: 

2 motores nas costas 
2 motores na lombar 
2 motores nas pernas
2 motores nas panturrilhas

Peso Líquido: 38KG.
Peso Bruto: 41KG.

Acesse nossa loja online e receba sua poltrona no conforto de sua casa: www.orthohouse.com.br 

Como Reconhecer os Sintomas de Artrite?



A artrite é uma doença muito comum em todo o planeta, principalmente entre pessoas acima dos 50 anos. Essa doença se apresenta em diferentes intensidades de dor, inflamação, disfunções e deformidades em qualquer articulação do corpo, embora as mãos, os quadris, os joelhos e a coluna sejam os locais afetados com mais frequência. Há mais de 100 formas de artrite, sendo os tipos mais comuns a osteoartrite, a artrite reumatoide e a artrite psoriásica. É importante reconhecer os sintomas para obter um tratamento adequado e diminuir as chances de ter as funções comprometidas de modo permanente.


Identificando os primeiros sintomas

1.Observe qualquer dor nas articulações. A dor nas articulações é o sintoma mais característico em todos os tipos de artrite. É possível sentir dor depois de se exercitar ou depois de usar demais as articulações, que é o caso da osteoartrite, ou após acordar e após períodos sem uso, sintoma mais característico da artrite reumatoide.
A dor artrítica é frequentemente descrita como constante, dolorosa e latejante. O tipo de artrite mais destrutivo também pode causar uma dor aguda, com ondas de choque.
Ela geralmente começa leve e vai piorando aos poucos. Os níveis de dor da osteoartrite pioram gradualmente, enquanto a artrite do tipo inflamatório (como os ataques de gota) fica muito dolorosa de repente.


2. Procure articulações inchadas ou avermelhadas. Embora o termo artrite signifique literalmente inflamação nas articulações, alguns tipos apresentam muito mais inchaço do que outros. No geral, o desgaste da osteoartrite não ocasiona muito inchaço e vermelhidão. Já a artrite reumatoide apresenta muito inchaço e vermelhidão, pois o sistema imunológico ataca o revestimento da cápsula da articulação (membrana sinovial). A gota também é conhecida por causar muita inflamação devido ao depósito de cristais de ácido úrico dentro da cápsula da articulação, especialmente do dedão do pé.
Na artrite psoriásica, o sistema imunológico também ataca as articulações e é por isso que ela é classificada como uma doença autoimune. Sendo assim, o inchaço e a vermelhidão são mais evidentes.
A artrite reumatoide, além de causar inflamação grave na articulação afetada (geralmente das mãos e pulsos), também gera uma inflamação menor em todo organismo.
Não conseguir tirar os anéis é um sinal de inchaço nas articulações das mãos.


3. Fique atento à rigidez nas articulações. A rigidez é outro sinal precoce de praticamente todos os tipos de artrite. A rigidez é a incapacidade de mover livremente as articulações devido a dores, inchaço ou algum grau de desgaste. Além da rigidez, você ainda pode sentir ou ouvir estalos conforme mexe a articulação depois de um tempo de inatividade, principalmente no caso da osteoartrite.
No início, a rigidez nem sempre diminui a extensão dos movimentos, mas ela é um sinal de que há um problema na articulação que, provavelmente, vai piorar.
A rigidez e outros sintomas costumam ocorrer em apenas um dos lados do corpo no caso da osteoartrite e da gota, enquanto as formas autoimunes da doença, como a artrite reumatoide e a artrite psoriásica, costumam afetar os dois lados.
A rigidez é pior na parte da manhã na artrite reumatoide e na psoriásica, mas é pior no final do dia na osteoartrite.


4. Fique atento à fadiga incomum. A fadiga (cansaço extremo) pode ser outro sinal primário de algum tipo de artrite, mas não de todos. As do tipo autoimune (artrite reumatoide e artrite psoriásica) costumam causar inflamações e outros problemas no organismo e não apenas em uma única articulação. Sendo assim, o corpo fica cansado e esgotado por tentar combater toda a inflamação. A fadiga crônica pode afetar as emoções, o humor, a libido, a atenção, a criatividade e a produtividade de maneira negativa.
A fadiga causada pela artrite reumatoide e psoriásica também pode estar associada à perda do apetite e emagrecimento.
Outros tipos, como a osteoartrite, podem desencadear a fadiga crônica se a dor na articulação for tão grande a ponto de afetar muito os hábitos de sono e de alimentação.


Importante: Fique atento à perda dos movimentos. É possível de uma hora para outra começar a perder a capacidade de se mover normalmente com a progressão da dor, inflamação, rigidez ou danos nas articulações. Desse modo, a limitação dos movimentos é um sinal comum de que a doença está avançada e é uma das principais causas de perda das funções.Você pode não conseguir se abaixar tanto ou ser tão flexível como era antes.
A redução da extensão dos movimentos é lenta e gradual na osteoartrite, conforme a cartilagem sofre o desgaste e os ossos acabam entrando em contato um com o outro, formando bicos de papagaio ou osteófitos.
Na artrite reumatoide e na psoriásica, a extensão dos movimentos depende muito do nível de inchaço das articulações que aumenta e diminui. Entretanto, com o tempo, ambas destroem a cartilagem e limitam drasticamente os movimentos.
A artrite séptica é causada por uma infecção nas articulações e se caracteriza por uma dor forte e repentina e pela dificuldade de usar a articulação afetada. Esse tipo de infecção pode destruir a articulação rapidamente – dentro de semanas.

Perceba a fraqueza repentina. Em associação à dor progressiva e à redução da mobilidade da articulação, há o enfraquecimento. A fraqueza pode ocorrer devido a tentativas de evitar a dor ou por conta de danos à integridade da articulação. Além disso, a falta de exercícios (comum em pessoas que sofrem de artrite) ocasiona a perda do tecido muscular, o que acarreta a perda da força. Você pode notar que não consegue erguer tanto peso ou caminhar tanto quanto costumava fazer. A capacidade de segurar objetos e de apertar a mão pode não ser mais tão firme.
A atrofia muscular (diminuição e perda da força) é normal nos músculos em volta da articulação afetada.
A articulação e os músculos enfraquecidos costumam ficar instáveis, trêmulos ou um pouco contraídos quando precisam suportar uma carga maior.
A perda de agilidade, destreza e coordenação estão associadas à fraqueza progressiva. Se você sofrer de artrite nas mãos, é possível se sentir desajeitado e derrubar objetos com frequência.

Procure deformidades nas articulações. Todas as formas de artrite deixam as articulações deformadas ou desfiguradas em algum momento. No entanto, o problema pode se desenvolver de modo mais rápido e perceptível em determinados tipos. A artrite reumatoide é conhecida por causar deformações graves nas mãos e nos pés, porque a inflamação ocasiona a erosão na cartilagem e nos ossos, assim como frouxidão nos ligamentos. Em longo prazo, a artrite reumatoide é mais destrutiva do que todas as outras formas e é a que causa mais imobilidade nos pacientes.
A osteoartrite também gera deformidade das juntas (geralmente descrita como nodosa), mas não as deixa tão tortas como as deformidades características da artrite reumatoide.
Ao notar algum nódulo (caroços grandes e sensíveis) próximo a articulações, trata-se provavelmente de um sinal de artrite reumatoide. Esses nódulos aparecem em 20% a 30% dos casos, geralmente nas mãos, pés, cotovelos e joelhos.

Observe mudanças na pele. Outro sinal da doença em fase avançada é a mudança na pele. Além de possíveis nódulos, a artrite reumatoide e a psoriásica muitas vezes causam alterações na cor e na textura da pele próximas à articulação dolorida e em diversos lugares do corpo. A artrite reumatoide tende a fazer a pele ficar mais avermelhada, principalmente devido ao inchaço de pequenos vasos sanguíneos embaixo da pele (conhecido como vasculite).
Já a artrite psoriásica envolve psoríase na pele, caracterizada pela formação de placas avermelhadas com prurido e escamas grossas e esbranquiçadas.
As crises de gota geralmente são associadas à formação de cascas na pele próximas à articulação afetada.
Todos os tipos de artrite que envolvem inchaço e inflamação aumentam a temperatura sob a pele e podem dar a ela a aparência e a textura de couro.


Diferenciando os principais tipos de artrite

1.Saiba o que é a osteoartrite. A osteoartrite é o tipo de artrite mais comum e é causado por um desgaste gradual das articulações por excesso de uso, obesidade ou lesões. A osteoartrite não apresenta muita inflamação e pode ser controlada por meio da perda de peso corporal, da incorporação de atividades/exercícios que sejam mais leves para as articulações e da alteração da alimentação (menos açúcar e conservantes, mais água e produtos frescos).
A osteoartrite costuma afetar as articulações que sustentam peso, como os joelhos, quadris e a coluna, embora ela também seja comum nas mãos.
Ela é diagnosticada em um exame físico e por meio de um raio-X. O desgaste da cartilagem e o desenvolvimento de pequenos bicos de papagaio são sinais da osteoartrite que aparecem na radiografia.


2. Aprenda o que é artrite reumatoide. A artrite reumatoide não é tão comum como a osteoartrite, mas parece estar mais prevalente em comparação a décadas passadas. O que a causa ainda é um mistério, mas acredita-se que o sistema imunológico se confunde e ataca os tecidos das articulações e outras partes do corpo por engano – o que também é descrito como uma atividade excessiva do sistema imunológico. A artrite reumatoide é caracterizada por muita inflamação e dor que pode ir e vir (as chamadas crises).
A artrite reumatoide costuma afetar os dois lados do corpo – a mesma articulação nos dois lados do corpo ao mesmo tempo.
Ela tem um fator genético, portanto as chances aumentam ao ter parentes próximos com a doença.
As mulheres são muito mais propensas a desenvolvê-la em comparação aos homens.
Diferentemente da osteoartrite, crianças podem ser afetadas pela artrite reumatoide, o que é conhecido como artrite idiopática juvenil.
A artrite reumatoide é diagnosticada por meio de exames físicos, raio-X e exame de sangue. A inflamação e a deformação são características que aparecem no raio-X. Entre 70% a 80% das pessoas que têm a doença possuem um marcador clínico chamado fator reumatoide no exame de sangue.
O tratamento se dá por meio de anti-inflamatórios não esteroides, assim como medicamentos modificadores do curso da doença (DMARDs) e terapia imunobiológica ou modificadores de resposta biológica (BRM).


3. Não confunda a gota com a osteoartrite ou artrite reumatoide. A gota é causada por níveis altos de ácido úrico no sangue por conta de uma dieta rica em purina. O nível alto de ácido úrico no sangue forma cristais afiados que se depositam em volta das articulações. Esses cristais rapidamente geram muita inflamação e uma dor forte, na maioria das vezes no dedão do pé, mas também em outras articulações dos pés, mãos e membros. As crises de gota não costumam durar muito (apenas alguns dias), mas podem voltar de modo regular.
Os cristais de ácido úrico podem formar caroços com crostas ou nódulos de cristais em volta das juntas que podem imitar a artrite reumatoide.
Alguns alimentos ricos em purina são vísceras (fígado, rins), bacon, crustáceos, sardinha, anchovas, frango e caldo de carne. O excesso de cerveja e vinho tinto também pode desencadear crises de gota.
A gota é diagnosticada com exames físicos, analise do histórico alimentar, raio-X e exame de sangue. Pessoas com gota têm níveis altos de ácido úrico no sangue (hiperuricemia).
O tratamento envolve o uso de anti-inflamatórios não esteroides ou corticoides em curto prazo e também de colchicina. A prevenção em longo prazo é baseada na mudança da dieta.


Dicas

De vez em quando, as articulações inflamadas ficam quentes por conta do acúmulo de fluidos.
É possível sofrer de mais de um tipo de artrite ao mesmo tempo.
Foi comprovado que o controle do peso diminui o risco de desenvolver gota e osteoartrite.
Proteger as articulações de lesões ou do uso repetitivo pode diminuir o risco de osteoartrite.

Ao desconfiar de artrite, procure um médico o quanto antes. O diagnóstico precoce e o uso de medicamentos modificadores do curso da doença podem controlar o desenvolvimento de algumas formas de artrite (como a reumatoide).

quinta-feira, 2 de maio de 2019

Pé Chato Infantil - Causas e Sintomas




O famoso ''pé chato" é caracterizado pela curvatura interna da sola, chamada de arco longitudinal medial, apresentando-se diminuída ou ausente. Como consequência, a sola dos pés fica toda em contato com o chão. Não há comprovação de hereditariedade, mas, em geral, trata-se de uma alteração familiar.


Ao dar os primeiros passos, observe se, quando seu filho fica nas pontas dos pés, forma-se uma pequena curvatura. Esse é um bom indicativo de flexibilidade, necessária para o desenvolvimento do arco no futuro – o que, em 90% dos casos, acontece até os 7 anos.
.

Caso não consiga observar essa curvatura, por ser uma característica transitória, não é necessário tomar providências, nem mesmo colocar botas ortopédicas, como se fazia antigamente. A orientação é manter apenas o acompanhamento periódico com um especialista.

Pé chato ou pé plano é um formato específico dos pés onde o arco plantar é menos acentuado, ou sequer existe. A maioria dos bebês tem pés chatos, pois o arco ainda não se desenvolveu e, além disso, como os bebês têm uma maior quantidade de gordura, isso dá a impressão de aplanamento (o famoso pé em bisnaguinha). No entanto, conforme o bebê vai crescendo, a forma dos pés muda, mas pode persistir até a idade adulta.⠀
.⠀
O pé chato pode ter diversas causas, como:⠀
.⠀
Predisposição familiar;⠀
.⠀
 Hiperfrouxidão ligamentar;⠀
.⠀
 Malformações ósseas;⠀
.⠀
Aparecimento de ossificações anômalas (barras ósseas);⠀
.⠀
Síndrome de Down;⠀
.⠀
Algumas doenças neurológicas⠀
.⠀
Geralmente, o pé chato não provoca dores; mas, caso a criança reclame de dores nos pés, é essencial levar o pequeno até o ortopedista pediátrico para que avalie o caso.⠀
.⠀
▶Sintomas⠀
.⠀
A maioria das crianças não sente dor relacionada ao pé chato, mas outras podem apresentar alguma tensão nos tendões, em especial o tibial posterior, que fica na parte de dentro do tornozelo, ou o tendão de Aquiles, que pode estar encurtado. É o ortopedista que conseguirá definir as causas destas dores e o tratamento adequado!⠀
.⠀
Ficou com alguma dúvida sobre pé chato? Deixe seu comentário.⠀


Dicas de onde entcontrar palmilhas infantis para Pé chato: 

https://www.orthohouse.com.br/palmilha-ortopedica-infantil-com-elevacao-do-arco-plantar
https://www.orthohouse.com.br/palmilha-ortopedica-infantil-com-arco-elevado-para-pe-chato

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Alivie suas dores de forma Natural - Bolsas Térmicas de Sementes




A Bolsa Térmica de Sementes é usada como calor ou frio para tratamento de dores, machucados e lesões. Foi desenvolvido para atender essas necessidades, pois se transforma facilmente de um saquinho de calor úmido, quando aquecido no microondas, em um saquinho frio, quando deixado no congelador.

Use quente(calor úmido) ou frio;
Tecido 100% algodão
Reutilizável
Feito de grãos 100% naturais;
Design ajustável a qualquer parte do corpo;
Não necessita adicionar água.


POR QUE TERAPIA COM CALOR ÚMIDO?

Esse produto permite a penetração profunda do calor úmido quando ativado no microondas(diferente do calor seco produzido por bolsas de gel, bolsas de água quente).

O calor úmido é mais indicado pelos profissionais da saúde, pois penetra mais profundamente e rapidamente para aumentar a circulação e relaxar os músculos. A terapia com calor é indicada após a redução do inchaço causado por lesões e machucados para complemento do tratamento da dor. A terapia com calor pode também ser usada diariamente para dores e tensões associadas ao estresse e estilo de vida agitado.

Penetração mais profunda do calor nos tecidos, comparando com outras bolsas;
Aumento da circulação sanguínea ajudando a inflamação nas articulações, bem como manter a flexibilidade. Isto é, especialmente eficaz para aqueles que sofrem de artrose e artrite reumatóide;
Tratamento de tensões causadas por contraturas musculares, distensões e estresse.
Alívio da dor e inchaço causados por cólicas menstruais e cólicas em bebês.

MODO DE USAR: Aqueça no microondas sem o plástico, o tempo varia em cada aparelho. Ideal aquecer entre 1min15s e 2min30s.


POR QUE TERAPIA COM FRIO?

A terapia com frio é geralmente usada nos primeiros dias de machucados e lesões para ajudar a diminuir o inchaço e espasmos musculares causados por processo inflamatório inicial.

MODO DE USAR: Deixe o saquinho no congelador por no mínimo 8 horas antes de usa-lo, não permita contato com gelo ou água.


ATENÇÃO!

NÃO AQUEÇA EM FORNO CONVENCIONAL, APENAS NO MICROONDAS;
SEMPRE TESTE A TEMPERATURA ANTES DA APLICAÇÃO;
NÃO USE ESSE PRODUTO EM PESSOAS COM PROBLEMAS CIRCULATÓRIOS GRAVES, PELES SENSÍVEIS OU COM LESÃO DE PELE ABERTA OU EM PROCESSO DE CICATRIZAÇÃO;
O USO EM CRIANÇAS DEVE SER SUPERVISIONADO POR UM ADULTO.

sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

Aluguel de Muleta Infantil em Porto Alegre



Fraturas em Crianças

O mais importante sobre o assunto é que o trauma necessário para provocar a fratura nem sempre é violento. Um pequeno tropeço seguido de uma queda no chão já pode ser suficiente para uma fratura.

O sintoma mais importante da fratura é a dor produzida pelo trauma, a qual se acentua com o movimento ou com a compressão da região afetada. Assim, a criança evita movimentar o membro fraturado.

Mas fique atenta, porque a presença de movimento ativo não afasta a possibilidade de fratura. Qualquer suspeita de fratura a criança tem que ser levada o mais rápido possível para um hospital ou pronto socorro para que seja avaliado o caso.

Saiba como perceber um indicio de fratura:

– dor intensa, acima do normal, progressiva, sem resposta a uso de analgésico;
– inchaço nos dedos;
– palidez dos dedos ou extremidades roxas;
– dedos frios;
– formigamento ou alteração de sensibilidade;
– dedos muito dobrados;
– dificuldade para movimentar os dedos.

Esses sintomas indicam que pode estar havendo compressão capaz de lesionar nervos e músculos, que, se não for tratada prontamente, pode deixar sequelas graves.

Para alugar muletas Infantis em Porto Alegre, contate-nos: (51) 3248-3826 / (51) 98439-2853

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Qual a melhor cama hospitalar do mercado? Com o melhor custo benefício?




Sim, a melhor cama hospitalar do mercado para uso em casa ou apartamento é a NBTECH Evidence. Fácil montagem, já chega 90% da cama montada na sua casa,os outros 10% são apenas peças de encaixe que você mesmo pode fazer sozinho. Mas vamos ao que mais interessa e o que faz esta cama ser uma das mais vendidas no Brasil: 

A Cama Hospitalar NBTECH Evidence possui os 3 movimentos motorizados básicos que são subida e descida de leito e regulagem de peseira e cabeceira,fora estes movimentos básicos que são os principais e mais usados ela também tem outros movimentos como fowler, vascular e cardíaco,ou seja é uma cama com movimentos completos para a grande maioria dos tratamentos,tudo acionado por um controle sem fio com bateria que dura aproximadamente 6 anos,mas a tecnologia dela não para por aí,se você preferir pode comandar a cama através do seu celular ou tablet baixando um aplicativo,e ela fará as mesmas movimentações que o controle. 

A Cama Evidence é super silenciosa seu motor blindado faz com que seus movimentos e som sejam suaves. A noite você pode fazer o uso da luz noturna, são lâmpadas de Led abaixo do leito na cor azul que ajudam a deixar o quarto na luminosidade certa,sem fazer luz nos olhos do paciente,deixando o ambiente super agradável. 

Falando mais sobre a qualidade e a tecnologia empregada nesta cama podemos citar que ela ela é toda fabricada em térmoplastico injetável de alta resistência as laterais tem sistema giratório e retráteis que permitem o giro para baixo leito, facilitando a transferência do paciente, com sistema de segurança trava e destrava. Bivolt,pode ser usada em ambas voltagens, 1 ano de garantia de fábrica, assistência autorizada para todo Brasil e frete GRÁTIS para região SUL e SUDESTE. 

Este e outros modelos a pronta entrega, para saber mais acesse o nosso site: www.orthohouse.com.br, ou nos adicione no whatsapp: (51) 98439-2853, estamos esperando seu contato! 

Obs: Você que mora em outras regiões onde o frete não é GRÁTIS, conte-nos que com certeza iremos fazer uma ótima proposta para você!


quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Cinto Lombar para quem carrega peso? Funciona?


O uso do cinto lombar no trabalho, tem sido uma prática comum nas empresas eusado em funções caracterizadas pelo levantamento e transporte manual de carga. Um acessório que tem por objetivo ajudar na estabilização da coluna lombar durante o esforço ao levantar/carregar um peso manualmente no trabalho.
Mesmo com estas designações, o uso indiscriminado do cinto lombar durante o trabalho, pode implicar em complicações graves à saúde e segurança do trabalhador, e até mesmo levá-lo à morte. E por que?
Primeiramente, é preciso destacar que o cinto lombar não é um Equipamento de Proteção Individual ou Coletivo (EPI / EPC), e sim um acessório que em alguns casos, pode ser indicado para o trabalho, mas não para qualquer trabalhador.
É fato que funcionalmente, o cinto lombar tem seu significado direcionado à contribuição para a estabilidade da coluna lombar, mas é um acessório que contorna a região da cintura, e para que tenha sua eficiência garantida, é necessário que o mesmo seja corretamente ajustado, e por isso exercerá uma compressão na região abdominal, e é bem ai, que está o grande problema!
Isso porque este apertar do cinto, implica no aumento da pressão intra-abdominal, limitando o fluxo sanguíneo e o funcionamento dos órgãos desta região, além de aumentar o risco para problemas cardiocirculatórios, como hipertensão arterial e infarto do miocárdio.
Durante o levantamento manual de uma carga, normalmente o trabalhador prende sua respiração – manobra de Valsalva –, o que aumenta a pressão na região torácica e abdominal, o que por si só, já é um risco para aqueles trabalhadores que apresentam problemas cardíacos e de alteração da pressão arterial, risco que pode ser ainda mais valorizado devido a pressão exercida pelo cinto na região abdominal.
Neste caso, existe uma pressão torácica e abdominal de ordem funcional aumentada, ou seja, realizada pelo trabalhador para exercer o esforço, mas também uma pressão mecânica na região abdominal advinda do cinto lombar, a qual pode ser ainda mais valorizada, quando o trabalhador é obeso e/ou possuir um volume abdominal considerável.
O cinto lombar não se trata de um equipamento que deve ser entregue ao trabalhador de forma indiscriminada e aleatória, como uma ato de boa vontade ou como uma simples política institucional/empresarial que supostamente foi pensada no trabalhador. Antes de comprar, entregar e permitir o uso do cinto lombar dentro da empresa ou de uma situação de trabalho, vale a pena, refletir sobre algumas questões:
1) Para que serve o cinto lombar no trabalho?
R: É um acessório, não um EPI, que visa contribuir para a estabilização da coluna lombar durante o levantamento e transporte manual de carga.
2) Qualquer pessoa pode usar o cinto lombar?
R: Não! Trabalhadores hipertensões, com doenças cardíacos e vasculares, problemas e disfunções em órgãos e tecidos da região abdominal, funcionários com excesso de peso e obesos são, exemplos de algumas condições clínicas de trabalhadores que não se recomenda o uso do cinto lombar.
3) Quando o uso do cinto lombar é indicado?
R: Inicialmente, devemos deixar bem claro que o seu uso pode ser indicado para a atividade, mas não para qualquer trabalhador. Neste caso, além de medidas de avaliação das próprias condições de trabalho por um ergonomista especializado, também se faz necessário, a avaliação médica para cada trabalhador.
4) Como saber se o cinto lombar é recomendado para uma atividade em específico?
R: Antes de sair por aí gastando o seu dinheiro, comprando cinto lombar para seus trabalhadores, é de extrema importância, realizar uma avaliação da atividade de trabalho que se pretende implantar este acessório, através do metodologia da Análise Ergonômica do Trabalho (saiba +). Esta análise indicará quais as situações de trabalho que o cinto lombar é indicado, correlacionando saúde, segurança e desempenho produtivo do trabalhador.
5) Quais os cuidados durante o uso do cinto lombar?
  1. Usá-lo apenas, durante a(s) atividade(s) de levantamento e movimentação manual de carga;
  2. O cinto lombar não garante mais força ao trabalhador para levantar uma carga;
  3. Ajustar o cinto conforme as orientações de uso do fabricante;
  4. Garantir que o trabalhador aprendeu a forma correta de usar o cinto lombar;
  5. Usar o cinto lombar por cima das vestimentas;
  6. Adotar posturas adequadas para levantar de uma carga, conforme determinado em treinamento;
  7. Não permanecer sentado e/ou agachado com o cinto lombar preso na cintura;
  8. Garantir a supervisão do uso correto do cinto lombar;
  9. O uso do cinto lombar, não isenta o treinamento de levantamento e transporte manual de carga, obrigatório, determinado por lei trabalhista.


*Fonte: http://www.ergocompany.com.br/noticias/cinto-lombar-no-trabalho-conheca-seus-riscos