quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Cinto Lombar para quem carrega peso? Funciona?


O uso do cinto lombar no trabalho, tem sido uma prática comum nas empresas eusado em funções caracterizadas pelo levantamento e transporte manual de carga. Um acessório que tem por objetivo ajudar na estabilização da coluna lombar durante o esforço ao levantar/carregar um peso manualmente no trabalho.
Mesmo com estas designações, o uso indiscriminado do cinto lombar durante o trabalho, pode implicar em complicações graves à saúde e segurança do trabalhador, e até mesmo levá-lo à morte. E por que?
Primeiramente, é preciso destacar que o cinto lombar não é um Equipamento de Proteção Individual ou Coletivo (EPI / EPC), e sim um acessório que em alguns casos, pode ser indicado para o trabalho, mas não para qualquer trabalhador.
É fato que funcionalmente, o cinto lombar tem seu significado direcionado à contribuição para a estabilidade da coluna lombar, mas é um acessório que contorna a região da cintura, e para que tenha sua eficiência garantida, é necessário que o mesmo seja corretamente ajustado, e por isso exercerá uma compressão na região abdominal, e é bem ai, que está o grande problema!
Isso porque este apertar do cinto, implica no aumento da pressão intra-abdominal, limitando o fluxo sanguíneo e o funcionamento dos órgãos desta região, além de aumentar o risco para problemas cardiocirculatórios, como hipertensão arterial e infarto do miocárdio.
Durante o levantamento manual de uma carga, normalmente o trabalhador prende sua respiração – manobra de Valsalva –, o que aumenta a pressão na região torácica e abdominal, o que por si só, já é um risco para aqueles trabalhadores que apresentam problemas cardíacos e de alteração da pressão arterial, risco que pode ser ainda mais valorizado devido a pressão exercida pelo cinto na região abdominal.
Neste caso, existe uma pressão torácica e abdominal de ordem funcional aumentada, ou seja, realizada pelo trabalhador para exercer o esforço, mas também uma pressão mecânica na região abdominal advinda do cinto lombar, a qual pode ser ainda mais valorizada, quando o trabalhador é obeso e/ou possuir um volume abdominal considerável.
O cinto lombar não se trata de um equipamento que deve ser entregue ao trabalhador de forma indiscriminada e aleatória, como uma ato de boa vontade ou como uma simples política institucional/empresarial que supostamente foi pensada no trabalhador. Antes de comprar, entregar e permitir o uso do cinto lombar dentro da empresa ou de uma situação de trabalho, vale a pena, refletir sobre algumas questões:
1) Para que serve o cinto lombar no trabalho?
R: É um acessório, não um EPI, que visa contribuir para a estabilização da coluna lombar durante o levantamento e transporte manual de carga.
2) Qualquer pessoa pode usar o cinto lombar?
R: Não! Trabalhadores hipertensões, com doenças cardíacos e vasculares, problemas e disfunções em órgãos e tecidos da região abdominal, funcionários com excesso de peso e obesos são, exemplos de algumas condições clínicas de trabalhadores que não se recomenda o uso do cinto lombar.
3) Quando o uso do cinto lombar é indicado?
R: Inicialmente, devemos deixar bem claro que o seu uso pode ser indicado para a atividade, mas não para qualquer trabalhador. Neste caso, além de medidas de avaliação das próprias condições de trabalho por um ergonomista especializado, também se faz necessário, a avaliação médica para cada trabalhador.
4) Como saber se o cinto lombar é recomendado para uma atividade em específico?
R: Antes de sair por aí gastando o seu dinheiro, comprando cinto lombar para seus trabalhadores, é de extrema importância, realizar uma avaliação da atividade de trabalho que se pretende implantar este acessório, através do metodologia da Análise Ergonômica do Trabalho (saiba +). Esta análise indicará quais as situações de trabalho que o cinto lombar é indicado, correlacionando saúde, segurança e desempenho produtivo do trabalhador.
5) Quais os cuidados durante o uso do cinto lombar?
  1. Usá-lo apenas, durante a(s) atividade(s) de levantamento e movimentação manual de carga;
  2. O cinto lombar não garante mais força ao trabalhador para levantar uma carga;
  3. Ajustar o cinto conforme as orientações de uso do fabricante;
  4. Garantir que o trabalhador aprendeu a forma correta de usar o cinto lombar;
  5. Usar o cinto lombar por cima das vestimentas;
  6. Adotar posturas adequadas para levantar de uma carga, conforme determinado em treinamento;
  7. Não permanecer sentado e/ou agachado com o cinto lombar preso na cintura;
  8. Garantir a supervisão do uso correto do cinto lombar;
  9. O uso do cinto lombar, não isenta o treinamento de levantamento e transporte manual de carga, obrigatório, determinado por lei trabalhista.


*Fonte: http://www.ergocompany.com.br/noticias/cinto-lombar-no-trabalho-conheca-seus-riscos

quinta-feira, 4 de outubro de 2018

150 Mil pessoas por ano, sofrem da "Síndrome do Túnel do carpo"




O que é Síndrome do Túnel do Carpo?

Dormência e formigamento na mão e no braço causados por um nervo comprimido no punho.

Casos por ano: mais de 150 mil (Brasil)



O tratamento é feito com auxílio médico
Requer um diagnóstico médico
Raramente requer exames laboratoriais ou de imagem
Médio prazo: resolve-se em questão de meses
A anatomia do pulso, condições de saúde subjacentes e os padrões de uso da mão podem contribuir para a síndrome do túnel do carpo.Os principais sintomas são dor na mão e no braço com dormência ou formigamento.O tratamento pode incluir repouso, gelo, munhequeiras, injeções de cortisona e cirurgia.(Somente um profissional pode diagnosticar e indicar o melhor tratamento).
As pessoas podem ter:
  • Dores locais: antebraço, dedos, mãos, polegar ou pulso
  • Dores circunstanciais: à noite
  • Nos músculos: cólicas, fraqueza muscular ou perda de massa muscular
  • Sensorial: formigamento ou formigamento e queimação desconfortável
  • Também é comum: dormência nas mãos
O tratamento é feito por meio do uso de dispositivos e mudanças nas atividades de rotina
O tratamento pode incluir repouso, gelo, munhequeiras, injeções de cortisona e cirurgia.


Procedimentos Cabíveis

Ultrassom terapêutico
Tala para punho
Corticoide

Cirurgia 

Microcirurgia
Cirurgia realizada em vasos sanguíneos e nervos muito pequenos usando um microscópio.

Como você pode se cuidar
Bolsa de gelo
Reduz a inflamação e alivia a dor.
Descanso
Reduzir a prática de atividades por um curto período após uma lesão para otimizar o potencial de cura.
Tratamentos
Alongamento
Exercícios de alongamento podem melhorar a flexibilidade e a condição física.

Especialistas
Ortopedista
Trata doenças que afetam os ossos e os músculos.
Terapeuta ocupacional
Melhora a vida diária e as habilidades de trabalho dos pacientes.
Fisiatra
Restaura a função e a qualidade de vida de pessoas com deficiência física.
Fisioterapeuta
Restaura a força e a função muscular por meio de exercícios.
Neurologista
Trata doenças do sistema nervoso.
Cirurgião de mão
Realiza cirurgia para tratar doenças de mãos.




Fonte: Hospital Israelita

terça-feira, 25 de setembro de 2018

Banheiro Ecológico de Bolso Número 1





O banheiro de bolso Número 1 foi desenvolvido pensando em pessoas que querem praticidade e higiene em shows, eventos culturais e esportivos em geral. O banheiro de bolso Número 1 também é indicado para pessoas com dificuldade de locomoção, idosos, gestantes, no segmento hospitalar e até mesmo na sua casa.

A grande tendência do mercado pois é prático e super higiênico, homens e mulheres de todas as idades podem usar em qualquer lugar que ofereça um mínimo de privacidade. 


Modo de uso:

Basta abrir o envelope e, sem retirar nada, urinar na parte interna, fechar e descartar no lixo comum. Pronto, não vaza e não tem cheiro.

De que ele é feito?

Composto internamente por uma manta de celulose reciclada - que proporciona absorção de até 400ml de urina em poucos segundos,livre de odores. É envolto externamente por uma embalagem de plástico biodegradável e compostável, podendo ser descartado no lixo convencional. Esse plástico é tratado com um novo aditivo, uma resina especial, que o transforma em biomassa, H2O e Co2 em apenas 24 meses, sendo totalmente absorvido pelo meio ambiente sem resíduos tóxicos na sua decomposição.


INDICAÇÕES:

* Homens e mulheres de todas as idades;

* Acamados;

* Cadeirantes;

* Pós-operatório;

* Pessoas com dificuldade de locomoção


CARACTERÍSTICAS: 

* Desenvolvido pensando em pessoas que querem praticidade e higiene.

* Higiênico.*Seguro *Discreto *Ecológico

* Absorção rápida.

* Sem odor

* Plástico biodegradável.


MODO DE USAR:

Abra a embalagem não retire o refil para urinar, dobre a aba e feche-o. Jogue no lixo não vaza.


COMPOSIÇÃO: Manta de celulose reciclada, poliacrilato de sódio e plástico reciclado biodegradável.

PESO LÍQUIDO: 40 gr

TAMANHO: 17 x 17 cm

VALIDADE: Indeterminada.

2 Dicas para aliviar a DOR LOMBAR de maneira rápida


Sabe aquela dor chata na coluna lombar? Antes de você pensar em tomar remédios,experimente estas duas dicas abaixo e veja o resultado.

1. Alongar

Deite. Estique 1 das pernas e segure a outra trazendo em direção ao seu corpo (segure por baixo do joelho), mantenha a posição por 1 minuto e troque a perna.Faça 2x com cada perna.

2. Use Calor (bolsa térmica) 🔥
Na maioria dos casos, a dor na lombar é causada por tensão muscular e melhora com calor, dê preferência pelo calor úmido que penetra mais rápido e profundo na musculatura e tecidos.
.
Use estas dicas para aliviar a dor,mas não deixe de procurar um especialista, somente ele pode indicar o melhor tratamento.
.
.

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Vida social na terceira idade: saiba por que isso é tão importante



Um dos segredos da longevidade e aqui abordamos longevidade com qualidade é ter uma vida social,estar perto da familia e dos amigos. Depois que para de trabalhar, deixam de frequentar os locais que costumavam ir, perdem o contato com os colegas de serviço e, por conta disso acabam se tornado cada vez mais introspectivos.E não é preciso ter muitos relacionamentos: poucos e bons já são suficientes para gerar uma alegria de viver.


A socialização tem o papel de trazer mais diversão para a vida dos idosos e, com isso, mais sorrisos. Quando alguém sorri, o organismo libera endorfina — hormônio responsável pela sensação de felicidade, prazer e bem-estar. Essa substância também é capaz de:

- ativar o sistema imunológico;
- combater o estresse, a ansiedade e a depressão;
- relaxar o organismo;
- aliviar dores;
- potencializar a memória;
- regular o sono;
- reduzir o desenvolvimento de rugas e doenças cardíacas.



Muitas vezes, o desânimo pode bater, principalmente para aquelas pessoas que moram sozinhas. Elas podem se sentir para baixo e querer apenas ficar em casa, dormindo ou assistindo à televisão. Entretanto, na medida do possível, é importante sair e ir a parques, clubes ou praças, para encontrar a família e os amigos.

Inclusive, quando fazem parte de um grupo de convivência, os idosos se sentem mais motivados a participarem de diversas atividades — sejam elas físicas, sociais ou de lazer — e a determinarem objetivos de vida. Além disso, é estimulado o compartilhamento de conhecimentos, alegrias e tristezas. Esses grupos também ampliam os vínculos sociais e garantem um estado de plenitude e bem-estar.


E se o idoso já não consegue mais sair sozinho pois já está com a mobilidade reduzida?

Existem diversas soluções que permitem ao idoso locomover-se com facilidade (inclusive em deslocamentos maiores).

Exemplos disso são as cadeiras de rodas motorizadas, que podem se mover em terrenos planejados e ultrapassar rampas ou pequenos desníveis.

Os Scooters Elétricos também são ótimas opções para quem tem a mobilidade reduzida. Seus modelos mais potentes podem ser utilizados em vários tipos de terreno e em grandes distâncias. Eles proporcionam a liberdade de ir e vir com segurança e conforto, além de permitirem maior independência para que o idoso mantenha sua vida social.

E se o idoso não consegue mais sair sozinho? Aí você que faz parte da familia precisa ajudar, hoje é possível alugar um andador,uma cadeira de rodas,uma bengala pelo tempo que precisar,uma ótima oportunidade é levá-lo a praia no final de semana,uma caminhada no parque,um café da tarde naquela cafeteria super gostosa perto de casa,o importante é incluir ele no seu dia a dia para que ele tenha uma velhice mais feliz.

Aqui na nossa loja você pode alugar qualquer equipamento pelo tempo que precisar, facilitamos tudo para ajudar a proporcionar uma vida mais feliz aos nossos idosos.

Seja feliz,faça o outro feliz.

OrthoHouse

terça-feira, 21 de agosto de 2018

Cama Hospitalar Infantil Manual e Motorizada com frete GRÁTIS*




Se você está procurando por Cama Hospitalar Infantil manual ou motorizada você veio ao lugar certo!

A Orthohouse trabalha com camas de alta qualidade e segurança para o seu bebê,além da garantia de 12 meses de fabrica o frete para a região Sul e Sudeste do Brasil é por nossa conta,sim!

Entre em nossa loja online e saiba mais sobre cada um dos modelos que temos e se ficar com alguma dúvida não exite em nos chamar,será um prazer esclarecer todas as suas dúvidas.



quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Coxal de Fibra de Bamboo ação antibacteriana




✔O Coxal Elástico Bamboo tem como diferenciais: compressão de maior qualidade, melhor acabamento, aparência estética e maciez do tecido.

✔Possui fibra antibacteriana de Bamboo, que é repelente natural de bactéria que mantém o produto higiênico e fresco.

✅Indicações:

Prevenção de lesões durante as atividades físicas, protegendo a musculatura.

segunda-feira, 23 de julho de 2018

Como a Fisioterapia pode ajudar quem tem artrite


O que é artrite?

Artrite significa articulação inflamada, quando a articulação está inflamada geralmente dolorida e dura. Às vezes, pode ser quente, vermelho e inchado. Pessoas com artrite podem achar difícil fazer coisas cotidianas, como vestir-se, caminhar até as lojas, cozinhar e praticar esporte. Mais de meio milhão de neozelandeses serão afetados pela artrite em algum momento de sua vida. Atualmente não há cura para artrite, mas existem tratamentos efetivos, a fisioterapia pode ajudar.


Como a fisioterapia pode ajudar?

A Fisioterapia pode ajudá-lo a administrar sua artrite e continuar (ou retornar) a uma vida ativa fazendo as coisas que você gosta.

Como?

Ensinando gerenciando sua dor;
Tornando-se mais forte, mais apto e mais flexível
Permanecendo ativo e independente
Evitando ou atrasando a necessidade de cirurgia
Exercícios

O seu fisioterapeuta irá trabalhar com você para desenvolver um plano de exercícios adequado para você. Isso pode envolver alguns exercícios de fortalecimento e alongamento. Ele também incluirá atividades gerais, como caminhar, nadar ou o que você gosta que seja benéfico para você. Seu fisioterapeuta irá ajudá-lo a obter o equilíbrio certo entre atividade e repouso para que você fique ativo sem sentir dor indevida.

Seu fisioterapeuta ajuda o lado físico do seu tratamento e seu médico com o lado médico. Ele trabalhará em estreita colaboração com você e seu médico para compartilhar informações e revisar seu tratamento.E lembre-se: manter-se em movimento é vital se você tiver artrite. 


Dica: 

O exercício físico é um dos melhores tratamentos para a artrite, uma vez que ajuda a diminuir as dores e a aumentar a flexibilidade. Nesse sentido, todas as pessoas que sofrem de artrite devem fazer exercício físico com regularidade e nos seus treinos devem incluir as atividades seguintes:
-exercícios de flexibilidade: para aumentar a capacidade e dinâmica de movimentação
-exercícios de cardio: para melhorar a resistência e diminuir a fadiga
-exercícios de fortalecimento: para melhorar o condicionamento muscular

*Fisioterapeutas são qualificados e habilidosos para que você se mova mais livremente, apesar da sua artrite. Eles começarão conversando com você sobre seus sintomas e sua história médica para que eles possam entender como sua vida é afetada.